Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

25 de maio de 2009

A Petrobras é nossa ou é do PT?


Já é fácil sabermos por qual razão o Governo não quer que a CPI da Petrobras, no Senado, apure o que possa haver de errado nos negócios da empresa. Milhões de reais andam circulando pelas contas de organizações não governamentais (ONGs) ligadas a membros do PT. A coisa vai do MST a "centros sociais" de vereadores filados ao partido do presidente Lula ou da chamada base aliada;


Uma análise feita em cerca de 230 contratos entre a Petrobras e diversas organizações firmados durante os últimos 12 meses - isso disponível no site da empresa - totalizam gastos de R$ 83 milhões, e tudo sem nenhuma licitação. Existem ainda mais de 1.100 outros contratos destinados a patrocínios, congressos e festas, somando R$ 609 milhões. Certamente, tudo isso destinado a entidades ligados ao partido detentor do Poder;

A imprensa informa que muitas dessas entidades beneficiadas com dinheiro da Petrobras sequer funcionam, apesar de terem recebido gordos recursos da empresa. Até uma ONG ligada ao famoso Delúbio também foi beneficiada. E olhe bem que ele foi expulso do PT e teve seu reingresso no partido negado;

Causa espanto a cara-de-pau da direção da empresa ao afirmar em nota oficial: "Não há critérios políticos no repasse de recursos do Funda da Infância e Adolescencia (FIA), e que a legislação não prevê a atuação da empresa na prestação de contas nem na fiscalização das verbas". Ou seja, a Petrobras dá o dinheiro a as entidades depois conversam com o Tribunal de Constas da União (TCU) ou a Controladoria Geral da União (CGU), mas pode pegar o dinheiro e fazer o que bem quiser;

A nota oficial da Petrobras foi expedida porque uma reportagem comprova que um terço das verbas da empresa destinadas a programas direcionados para a infância foram destinados a governo ligados ao PT. Além de destinar R$ R$ 30 milhões para estados e municípios, a empresa também repassou R$ 10 milhões para o próprio Governo Federal;

Somente esse quadro dá para se entender a razão do Governo não querer que a CPI do Senado funcione e nem apure nada, "para não fragilizar a Petrobras", pois certamente essa farra teria que ser suspensa. Explica-se aí a manifestação recentemente realizada em frente à sede da empresa, além de outras já marcadas para os próximos dias, e ainda o "terrorismo eleitoral" com Lula e seus adeptos óbvios espalhando que a Oposição que fragilizar a empresa para depois privatizá-la;

A Petrobras é super aparelhada tecnicamente, mas também está por demais aparelhada, mas no sentido de que foi transformada num verdadeiro cabide de emprego para os "companheiros" do presidente Lula e fonte de dinheiro fácil para ser fazer política em busca de um possível continuísmo no Poder.

Um comentário:

  1. Airton,

    Inadmissível essa campanha falaciosa do "petróleo é nosso" encampada pelo PT, CUT e MST.

    A cada dia aparecem mais denúncias de irregularidades.

    Hoje mesmo foi lida carta dos empregados da Petrobras (aepetro),que são A FAVOR da CPI, no plenário do Senado, com mais denúncias gravíssimas, inclusive de perseguições.

    Vão jorrar coisas nigérrimas dessa caixa preta.. e não será petróleo...

    ResponderExcluir

Não saia do Blog sem deixar seu comentário