Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

4 de abril de 2009

Robin Hood às avessas

O Presidente Lula anunciou, eufórico, que o Brasil vai emprestar dinheiro ao Fundo Monetário Internacional (FMI) para ajudar países pobres a não serem abatidos pela crise mundial, logo ele que passou longos anos de sua vida de sindicalista gritando "Fora FMI!". E não é pouca coisa. Ele andou falando em US$ 1 trilhão. É isso mesmo;
Diz a lenda que o histórico Robin Hood, na Floresta Negra (Alemanha), tirava dos ricos para dar aos pobres. Já nosso superherói nacional, Lula, faz um caminho inverso, tirando do pobre contribuinte brasileiro, a grande maioria que paga impostos embutidos nos preços, colocando nos cofres do FMI, acreditando que o dinheiro vai aparecer mesmo nas mãos de países africanos paupérrimos, por exemplo;
Será que esse trilhão de dólares não seriam melhor aplicados nas necessidades brazucas, como saúde, educação combate à violência, combate à corrupção ou até melhoria salarial para os aposentados, cujos proventos vêm ao longo dos anos crescendo como rabo de cavalo, para baixo? E tudo isso depois do Governo anunciar cortes no Orçamento da União de verbas para a Educação, Saúde e Segurança;
É muito bonito fazer gentileza com chapéu alheio. Mas, tudo bem. Os recursos para manter e ampiar o Bolsa Família e para levar adiante as obrs do PAC da "mãe" Dilma estão garantidos. E não são com objetivos eleitoreiros.

Um comentário:

  1. Airton, você está trilhando a escola do Diogo Mainardi que só vê o lado ruim do presidente.
    Acho que não bem por aí o caminho certo. Todo radicalismo é podre.

    ResponderExcluir

Não saia do Blog sem deixar seu comentário