Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

17 de maio de 2010

Políticos misturam Copa do Mundo com eleição

Para azar dos brasileiros em geral e sorte para os políticos, a Copa do Mundo acontece de quatro em quatro anos e as eleições para presidente, governadores, senadores, deputados federais e estaduais acontecem também no mesmo ano. Diferentemente do comportamento dos norte-americanos, que utilizam as cores do país em qualquer tipo de evento, os brasileiros só demonstram amor às cores de seu país quando a Seleção Brasileiro se transforma na "pátria de chuteiras" e sai em busca do troféu de ouro da Fifa;

Por causa disso, muitos políticos aproveitam o ardor cívico da torcida brasileira e procuram misturar a motivação pela Copa em temas para suas campanhas. Ainda bem que modificações na legislação eleitoral criaram algumas dificuldades para os candidatos, principalmente no que se refere à distribuição de brindes, que nessas ocasiões são sempre vinculados à Copa do Mundo. Mas, seja como for, sempre vão usar a competição para tentar se vincular ao evento e pedir votos;

Pior está fazendo o presidente Lula, que quer distribuir um pacote de bondades aos ex-jogadores da Seleção que foram campeões em 1958,1962 e 1970, muitos deles passando necessidades, uma vez que naquela época não recebiam os salários hoje pagos nem tinham contratos milionários com patrocinadores dos seus clube ou mesmo pessoais. Ficam uma indagação: e os campeões de 1994 e 2002 não são tão campeões quanto os anteriores? Por qual motivo somente os mais antigos, dos quais muitos já faleceram, seriam beneficiados? Somente Lula poderá explicar. Além disso, existem campeões no Brasil de várias outras modalidades que também teriam que ser beneficiados;

Jogador da Seleção Brasileira que ganhou títulos para o torcedor festejar merece muitos prêmios. A torcida concorda. Mas não é com dinheiro público que essa premiação deve acontecer. No caso específico dos campeões de 58, 62 e 70, eles eram profissionais que estavam a serviço de uma entidade privada conhecida como CBD (Confederação Brasileira de Desportos), depois denominada de CBF (Confederação Brasileira de Futebol). A esta cabe cuidar dos seus campeões em situação crítica de sobrevivência;

Acontece que Lula está fazendo o que sempre os políticos brasileiros fazem, que é misturar Copa do Mundo com eleição. Essa bondade em ano de Copa e eleição é exatamente para fazer média com o torcedor/eleitor. Convém lembrar que Paulo Maluf andou premiando campeões com automóveis comprados com dinheiro público e teve depois que ressarcir o erário. Para que não venha a acontecer o mesmo com Lula no futuro, melhor seria que ele mudasse logo de ideia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário