Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

28 de maio de 2010

Brasil tem 12 candidatos a Presidente

Numa coisa o Brasil se assemelha aos Estados Unidos na eleição para Presidente da República, onde um grande número de candidatos concorre mas as atenções são focadas em apenas dois (às vezes três) candidatos, isso por força do poderio político dos dois maiores partidos: Democratas e Republicanos. No entanto, os norte-americanos têm uma variedade de nomes para escolher, alguns até concorrendo como candidatos avulsos, o que é permitido pela legislação eleitoral de lá;

Acontece que nos Estados Unidos a mentalidade partidária é bastante acentuada se comparada à dos brasileiros, a partir do próprios líderes políticos, que trocam de legenda várias vezes. Naquele país, ser democrata ou republicano é comparável á rivalidade brasileira em relação aos clubes de futebol. Não há aqui condição para o torcedor trocar Vasco por Flamengo, Corinthians por Palmeiras, Grêmio por Internacional, Atlético por Cruzeiro e assim por diante. O norte-americano não deixa de ser republicano para virar democrata;

Já por aqui, só para dar exemplo, depois das eleições de 2006, mais de 100 dos 513 deputados federais eleitos trocaram de partido antes mesmo de tomarem posse. Seus partidos serviram apenas como legendas para serem eleitos. Aqui no Brasil praticamente só fala em Dilma Rousseff e José Serra e às vezes de Marina de Marina Silva. No entanto, são 12, muitos deles em partidos de pouca expressão, o que pouco significa para justificar a polarização Dilma x Serra, pois não é o PT nem o PSDB que promovem essa "briga", pois o maior de todos os partidos brasileiros, o PMDB, prefere não lançar candidatos, preferindo eleger fortes bancaddas para depois negociar posições com o presidente eleito;

A seguir, a relação de todos os candidatos a Presidente, pois certamente algum deles talvez seja melhor do que os que ganham maior espaço na mídia:

Américo de Souza (PSL) - Bacharel em direito, ciências econômicas, administração, ciências contábeis e pós-graduado em engenharia administrativo-econômica. É ex-deputado federal e ex-senador pelo Maranhão. Em 2006, foi candidato a vice-presidente.

Dilma Rousseff (PT) - É natural de Belo Horizonte. Formada em Economia, foi secretária estadual de Minas, Energia e Comunicação no Rio Grande do Sul. No governo Lula, foi ministra de Minas e Energia e depois ministra-chefe da Casa Civil.

Ivan Pinheiro (PCB) - Advogado, é secretário geral do PCB. Foi presidente do Sindicato dos Bancários do Rio de Janeiro. Já se candidatou a deputado federal e a vereador. Também já disputou a Prefeitura do Rio de Janeiro.

José Maria Eymael (PSDC) - Nasceu em Porto Alegre, é formado em direito, com especialização na área tributária, e em filosofia pela PUC-RS. Há mais de 30 anos atua como empresário nas áreas marketing e comunicação. Ex-deputado federal, já disputou a Presidência duas vezes.

José Serra (PSDB) - Ex-governador de São Paulo, já foi deputado federal, senador e ministro da Saúde e do Planejamento. Tem formação superior em Economia, concluída no Chile, e em Engenharia, pela Universidade de São Paulo.

Levy Fidélix (PRTB) - Atuou como apresentador de TV, diretor de criação em agências de publicidade e professor. Foi um dos fundadores do PL e  esteve no PTR. Já disputou eleições para presidente da República, prefeito de SP, governador, vereador e deputado federal.

Marina Silva (PV) - Nasceu no Acre, onde formou-se em história. Foi vereadora em Rio Branco, deputada estadual e senadora. Atuou no governo Lula como ministra do Meio Ambiente, de 2003 a maio de 2008. Participou da fundação do PT, do qual se desfiliou em 2009.

Mário de Oliveira (PTdoB) - Nasceu em Aquidauana, em Mato Grosso do Sul. É graduado em engenharia mecânica pela Unesp, bacharel em Direito pela PUC-SP e pós-graduado em Administração de Empresas pela Fundação Getúlio Vargas-SP.

Oscar Silva (PHS) - Maranhense, vive atualmente em Brasília. É advogado e secretário geral nacional do PHS. Entrou para a política no PMDB. Está filiado há cinco anos ao PHS. Já disputou duas eleições para deputado.

Plínio Sampaio (Psol) - Promotor público aposentado, é mestre em desenvolvimento econômico internacional pela Universidade de Cornell (EUA). Tem atuação junto à Igreja Católica. É presidente da Associação Brasileira de Reforma Agrária.

Rui Pimenta (PCO) - Formado em jornalismo, participou da fundação do PT, com atuação em SP e no ABC. Na década de 80, atuou no sindicalismo. Após ajudar a fundar o PCO em 1996, foi candidato a vereador, a deputado federal e a prefeito de São Paulo.

Zé Maria (PSTU) - Metalúgico, participou dos movimentos sindicais no ABC na década de 1970. Foi um dos fundadores do PT, do qual saiu nos anos 90. É um dos fundadores e atual presidente nacional do PSTU. Integra a Coordenação Nacional de Lutas (Conlutas).

Um comentário:

  1. Olá! Estou criando um site "pró-vida" para divulgação da política "pró-aborto" do PT.

    "Aborto Não PT Não"

    ### Por favor me ajude a divulgar. ###

    http://www.abortonaoptnao.com

    Obrigado!

    ResponderExcluir

Não saia do Blog sem deixar seu comentário