Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

30 de junho de 2009

Líder do PT defende Sarney

Aconteceu hoje no Senado (sempre lá). A notícia está em vários sites. Seguindo a mesma linha de Lula, a senadora Ideli Salvatti (PT-SC), líder do Governo na Casa, deu o recado que certamente o presidente mandou ela dar na tribuna. A notícia está assim:


Pouco depois de a bancada do DEM confirmar nesta terça-feira o apoio ao licenciamento do presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AP), a líder do governo no Congresso, senadora Ideli Salvatti (PT-SC), saiu em defesa do colega. Discursando no plenário da Casa, a senadora condenou a personalização da crise do Senado. 'O que está vindo a público é coisa que tem muito tempo, não é nada recente, é muito antigo. E tudo tem muitas mãos, tem a participação de muitos', argumentou Ideli;

Ela defendeu Sarney alegando que o colega adotou todas as providências que foram propostas pelos outros parlamentares. 'Eu vou defender na bancada que nenhuma medida pode ser adotada contra qualquer um dos senadores', afirmou, referindo-se à reunião da bancada do PT que deve ocorrer por volta das 19h desta terça. Ideli ainda criticou o que chamou de 'tendência de se personalizar ou partidarizar' a crise no Senado. Para a senadora, uma abordagem que 'personalize a crise, forçando-se para que determinada pessoa se afaste', não resolverá o problema, além de ser 'injusta';

'Ninguém pode ser acusado, afastado, antes que as investigações sejam concluídas. Senão não vamos resolver nada. Continuaremos lendo essas matérias [de denúncias] até que o Senado se inviabilize', declarou a petista. Adotando o discurso utilizado pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a senadora disse que as denúncias têm impedido que se debatam assuntos mais importantes para o país.


Vê-se, portanto, que o presidente do Senado continua com muitos aliados. Falta ver quantos integrantes da "base aliada" vão acatar as ordens do Poderoso Chefão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário