Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

24 de agosto de 2011

Sarney e outros senadores também têm supersalários

O presidente do Senado, José Sarney (PMDB-AM), que ganha R$ 26.700 de subsídios como senador, também acumula duas aposentadorias, o que faz com que seus vencimentos extrapolem em muito o teto constitucional segundo o Ministério Público Federal (MPF), que numa ação do afirma, após um inquérito civil provocado por notícia segundo a qual Sarney recebia mais de R$ 62 mil por mês. Isso é o que informa o site ’Congresso em Foco’, acrescentando que o procurador Francisco Guilherme Vollstedt Bastos disse à Justiça que o próprio senador “reconheceu” ganhar acima do teto do funcionalismo;

Segundo o MPF, Sarney recebe duas aposentadorias, como ex-governador do Maranhão e como servidor do Tribunal de Justiça daquele estado, além do salário de senador em Brasília. Como o salário de senador hoje é R$ 26.723,13, a remuneração de Sarney seria agora de pelo menos R$ 62.284,11, ignorando-se eventuais reajustes nas aposentadorias. E tem mais. O presidente do Senado não é o único que acumula a remuneração de parlamentar com a de ex-governadores, o que os faz ganharem mais que o teto do funcionalismo. Por exemplo, Casildo Maldaner (PMDB-SC) recebe cerca de R$ 48.300, somando-se o salário de senador e a aposentadoria de aproximadamente R$ 21.600 como ex-governador de Santa Catarina;

Agora dá para entender por qual razão Sarney recorreu da decisão do juiz federal Alaôr Piacini, da 9ª Vara Federal de Brasília que suspendia os pagamentos, de cerca de 700 funcionários do Senado que superavam os vencimentos dos ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). É que ele e outros senadores não foram atingidos pela decisão e com isso ficaria mal com aqueles servidores, que poderiam contestar õ que deciciu o o juiz Piacini e jogar Sarney e seus colegas no ‘bolo’. Prossegue, então, a farra com dinheiro público praticada por aquela ‘colenda Casa Legislativa’.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário