Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

3 de agosto de 2010

Deputados mais faltosos querem se reeleger

Levantamento feito pelo site Congresso em Foco aponta os nomes dos 10 deputados federais que mais faltaram às sessões da Câmara dos Deputados somente no primeiro semestre deste ano. Eles somam 433 faltas nas 59 sessões que aquela Casa Legislativa realizou entre fevereiro e julho deste ano. Entre os dez, sete são candidatos à reeleição; um outro busca uma vaga no Senado Federal..O "medalha de ouro" e recordista de faltas é o deputado Affonso Camargo (PSDB-PR), que das 59 sessões da Câmara compareceu apenas a sete delas. O "medalha de prata" dos que mais faltaram é o deputado Zé Vieira (PR-MA) com 49 faltas. A"medalha de bronze" ficou com o deputado Jader Barbalho (PMDB-PA), que tenta disputar uma vaga no Senado mas teve um pedido de impugnação que dever ser julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) do seu Estado até o dia 5 deste mês, prazo final para deferimento ou não de candidaturas;

De acordo com o "Congresso em Foco", são os seguintes os 10 deputados federais mais faltosos:

Afonso Camargo (PSDB-PR) – 52
Zé Vieira (PR-MA) – 49
Jader Barbalho (PMDB-PA) – 47
José Aníbal (PSDB-SP) – 45
Severiano Alves (PMDB-BA) – 44
Marina Maggesi (PPS-RJ) – 43
Bispo Gê Tenuta (DEM-SP) – 40
Nice Lobão (DEM-MA) – 40
Alexandre Silveira (PPS-MG) – 39
Ciro Gomes (PSB-CE) – 34

Os eleitores desses Estados precisam tomar conhecimento da "assiduidade" dos seu representantes, evitando dar a eles um novo mandato para não exercerem o cargo para qual foram eleitos. A grande maioria do eleitorado certamente não trabalha somente três dias na semana e muito menos podem faltar tanto ao trabalho e receber salários e terem direito a tantas mordomias pagas com dinheiro de quem trabalho cerca de cinco meses no ano para mantê-los. Já é hora de mandar essa gente procurar outro "emprego".

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário