Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

19 de novembro de 2011

Serra está certo. Dilma é responsável pelos seus ministros corruptos

Serra diz que ministro corrupto é de Dilma
O pretenso candidato à Presidência da República pelo PSDB, José Serra, declarou que é preciso responsabilizar a presidenta Dilma Rousseff pela escolha dos ministros que recentemente andaram saindo do Governo após a divulgação pela imprensa de denúncias sobre suspeitas de corrupção deles e de seus auxiliares, além de desvios de dinheiro público para o Caixa 2 dos partidos a que pertenciam os ministros e ainda para o bolso de alguns membros privilegiados dos partido. "Há uma tendência de jogar tudo nas costas do Lula. Não é que o Lula não tenha responsabilidade, mas não é ele sozinho. É o governo dele e o novo governo", afirmou Serra. Na opinião dele, o número de ministros envolvidos em suspeita de corrupção é muito alto para um governo que tomou posse há menos de um ano. "Para um governo recém-formado, do total de ministérios, que são pouco mais de 20, quase um terço já foi comprometido", afirmou. "Houve algo errado nas nomeações. E quem os elegeu foi a Dilma, foi ela quem os escolheu. Ela tem a responsabilidade pelo que está ocorrendo. Ninguém é obrigado a aceitar de um governo anterior a nomeação de futuros ministros";

A realidade é que José Serra não está errado. Todo mundo sabe que, por coincidência ou não, os ministros que já caíram - e mais Carlos Lupi, do Trabalho, a 'bola da vez' - foram todos indicados pelo ex-presidente Lula, certamente no objetivo de manter algum esquema político/financeiro, tendo em vista o que foi constatado em termos de desvios de recursos da União. Durante a campanha eleitoral do ano passado, a oposição sempre bateu na tecla de Dilma seria um 'poste' a ser eleito por Lula, a fim de que ele exercesse um terceiro mandato de modo indireto, começando pela formação do ministério. Várias demonstrações do poder de Lula já aconteceram. Quando do primeiro escândalo, no Ministério dos Transportes, o ex-presidente foi até Brasília e realizou reuniões com ministros e até com Dilma para tentar solucionar a crise. Agora mesmo, apesar de doente, Lula chegou a participar pelo viva-voz de um telefone de uma reunião entre Dilma e Carlos Lupi, após o que está prevalecendo a orientação dada pelo patrono de Dilma;

Dado razão ao que disse José Serra, não se pode deixar de lado o fato de que por mais que Lula tenha influência sobre Dilma Rousseff - afinal ela é uma invenção e 'cria' dele -, o povo a elegeu para que exerça o mandato em toda sua plenitude. Ela nomeou quem quis, pois não podemos esquecer o fato de que ela era a grande 'gerente' do governo Lula, desde a queda de José Dirceu do cargo de ministro da Casa Civil, com certeza sabendo de tudo o que faziam de 'alfeitos' aqueles que ela nomearia para seu primeiro escalão. Dilma, entretanto, não contava com a onde de denúncias das revistas semanais, em especial da 'Veja', vendo-se obrigada a forçar ministros a 'pedirem para sair', estando agora com Carlos Lupi atravessado na sua garganta. Aliás, que será a novidade deste fim de semana? Parece-nos que a partir de sexta-feira à noite muita gente fica sem dormir na Esplanada dos Ministérios em geral, e, em especial, no Palácio do Planalto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário