Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

3 de julho de 2009

Quem entende o que Lula pensa ou fala?

Dificilmente dá para entender o que Lula pensa, principalmente pelas coisas que ele diz e faz. Há poucos dias Lula dirigiu-se ao ditador líbio Muammar Kadafi, em evento na África da seguinte forma: “Meu amigo, meu irmão e líder”. Aproveitando a deixa, Omar Al Bashir, responsável pelo assassinato de 300 mil pessoas no Sudão e que estava no mesmo evento, dirigiu-se a Lula, dizendo: "Conto com o apoio do presidente Lula";


O Brasil, que através de Lula e seus diplomatas condena o que chama de golpe em Honduras, já não havia condenado, no Conselho de Direitos Humanos da ONU, o governo sudanês por sua responsabilidade no que Al Bashir justificou como "limpeza étnica" o massacre ocorrido naquele país, apoiando quem provocou centenas de milhares de negros sendo assassinados;


Referindo-se ao massacre ocorrido nas ruas do Irã, Lula de apoio ao presidente eleito Deus sabe como, enquanto promovia violenta repressão sobre aqueles que protestavam contra o rápido e estranho resultado de uma eleição mais que suspeita. No seu espantoso discurso na África, Lula chegou aproveitou para pedir o voto daqueles países na escolha do Rio de Janeiro para sede dos Jogos Olímpicos de 2016, dando a entender que o Brasil dá a ditadores e assassinos;


Outra atitude do Governo de Lula que causa revolta fica por conta da cessão de avião da Força Aérea Brasileira para o secretário-geral da OEA, José Miguel Insulza, ligado a Hugo Chavez, para viajar com urgência até Tegucigalpa, para tentar fazer com que Zelaya, presidente deposto de Honduras, volte ao poder, quando o chamado golpe foi realizado com respaldo dos poderes Legislativo e Judiciário daquele país. Lembra-se que aqueles aviões, levam dias para chegar ande tenham enchentes e catástrofes no Brasil, por exemplo;


Para culminar, destaca-se o apoio total de Lula para a permanência de José Sarney como presidente do Senado, apesar a imensa lista de fatos comprovando principalmente benefícios a parentes diretos do senador do Maranhão/Amapá, numa clara demonstração de que necessita do apoio do PMDB para a candidatura de Dilma á sua sucessão e muito mais para que não seja instalada a CPI da Petrobras, que abriria uma caixa preta que por certo esconde muita coisa estranha e que não interessa a Lula & Cia. que sejam apuradas.

Um comentário:

  1. Será que ninguém no Itamaraty se deu ao trabalho de ler a Constituição de Honduras?

    O artigo 239 da referida Constituição determina que:

    ARTICULO 239.- El ciudadano que haya desempeñado la titularidad del Poder Ejecutivo no podrá ser Presidente o Designado. El que quebrante esta disposición o proponga su reforma, así como aquellos que lo apoyen directa o indirectamente, cesarán de inmediato en el desempeño de sus respectivos cargos, y quedarán inhabilitados por diez años para el ejercicio de toda función pública.

    Portanto só em apoiar uma reforma constitucional que permite a reeleição já é motivo para o afastamento imediato de Presidente da República.

    O que o povo Hondurenho fez foi fazer cumprir a sua Constituição.

    ResponderExcluir

Não saia do Blog sem deixar seu comentário