Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

24 de julho de 2009

Conselho das Arábias


"O visitante Wagner sugeriu ontem que se apresentassem aqui os integrantes do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar do Senado. Boa idéia. Aí vão eles. "O passeio é instrutivo.
"O Conselho é formado por 15 membros titulares e mais o corregedor da Casa, que é membro nato. Os 15 titulares têm, cada qual, um suplente.
"Até ontem, restavam vagos um posto de titular e um de suplente.
"Assim, no total, 29 senadores integravam o Conselho até ontem à noite.
"Eles estão na tabela abaixo. Clicando-se sobre os nomes deles é-se levado às suas fichas no projeto Excelências, da Transparência Brasil, onde os detalhes das informações sumarizadas depois da tabela podem ser examinados.

Titulares / Suplentes


Almeida Lima (PMDB/SE) / Romero Jucá (PMDB/RR)A
ntonio Carlos Valadares (PSB/SE) / Delcídio Amaral (PT/MS)
Demóstenes Torres (DEM/GO) / Antonio Carlos Júnior (DEM/BA)
Eliseu Resende (DEM/MG) / Maria do Carmo Alves (DEM/SE)
Gilvam Borges (PMDB/AP) / Mão Santa (PMDB/PI)
Gim Argello (PTB/DF) / João Vicente Claudino PTB/PI)
Heráclito Fortes (DEM/PI) / Rosalba Ciarlini (DEM/RN)
Inácio Arruda (PC do B/CE) / Augusto Botelho (PT/RR)
João Durval (PDT/BA) / Jefferson Praia (PDT/AM)
João Pedro (PT/AM) / Ideli Salvati (PT/SC)
Marisa Serrano (PSDB/MS) / Arthur Virgílio (PSDB/AM)
Paulo Duque, presidente (PMDB/RJ) / Lobão Filho (PMDB/MA)
Romeu Tuma (PTB/SP), corregedor / Não tem
Sérgio Guerra (PSDB/PE) / Vago
PT (Vago) / Eduardo Suplicy (PT/SP)
Wellington Salgado de Oliveira (PMDB/MG) / Valdir Raupp (PMDB/RO)
"No Excelências recolhem-se inúmeros dados sobre os parlamentares. Para este resumo examinaram-se cinco famílias. Alguns senadores emplacam duas, três, quatro e até as cinco famílias:
"Empregaram parentes seus ou de outros políticos no Senado (10): Almeida Lima, Antonio Carlos Valadares, Eliseu Resende, Gilvam Borges, Mão Santa, Heráclito Fortes, Rosalba Ciarlini, Augusto Botelho, Lobão Filho, Valdir Raupp.
Usaram indevidamente facilidades do Senado (2): João Pedro, Eduardo Suplicy.
"Teriam sido beneficiados por atos secretos (10): Delcídio Amaral, Demóstenes Torres, Antonio Carlos Junior, Maria do Carmo Alves, Gilvam Borges, Augusto Botelho, Arthur Virgílio, Lobão Filho, Wellington Salgado de Oliveira, Valdir Raupp.
"Apresentam ocorrências na Justiça ou Tribunais de Contas (10): Romero Jucá, Maria do Carmo Alves, Mão Santa, Gim Argello, João Vicente Claudino, Rosalba Ciarlini, Inácio Arruda, Lobão Filho, Wellington Salgado de Oliveira, Valdir Raupp.
"Suplentes (ou seja, não receberam um único voto - 6): Antonio Carlos Junior (na vaga de seu pai, Antonio Carlos Magalhães, morto em 2007), Jefferson Praia (de Jefferson Peres, morto em 2008), João Pedro (de Alfredo Nascimento, ministro dos Transportes), Paulo Duque (na vaga de Regis Fichtner, nomeado chefe do Gabinete Civil do governo do Rio de Janeiro, que, por sua vez, era suplente de Sérgio Cabral, eleito governador em 2006), Lobão Filho (de Edison Lobão, seu pai, ministro de Minas e Energia), Wellington Salgado de Oliveira (de Helio Costa, ministro das Comunicações), Gim Argello (de Joaquim Roriz, que renunciou para não ser cassado).
"Desse modo, apenas quatro senadores não estão em alguma dessas categorias: Ideli Salvati, Marisa Serrano, Romeu Tuma, Sérgio Guerra.
"Será que é preciso dizer mais a respeito do que se pode esperar desse Conselho?"
  • Realmente, não há o que esperar desse Conselho fajuto, que só tem por objetivo proteger quem tenha cometido falcatruas e que seja protegido de Lula e por ele defendido, mesmo que as evidências sejam clarrísimas, como o caso das gravações com Sarney cuidando de arranjar um emprego para o playboy namorado de sua neta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário