Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

5 de abril de 2017

Com cinco conselheiros do TCE-RJ presos, como ficarão as suas mordomias?

O recente episódio que levou cinco conselheiros do Tribunal de Contas do Rio de Janeiro (TCE-RJ) nos leva a questionar se o Estado do Rio de Janeiro, totalmente falido, continuará pagando aos ilustres julgadores das contas do Governo o salário de R$ 39.471,11, mais auxílio-moradia de R$ 4.377,73, mesmo para os que moram na capital; despesa com combustível no valor e R$ 1.985,00; auxílio-educação de R$ 1.067,00 para até três dependentes; auxílio-saúde de R$ 660,00; e auxílio-alimentação de R$ 968,00. Parece que é muita coisa, e é. E cabe mais uma pergunta: durante a “hospedagem” dos conselheiros presos na cadeia seus auxiliares e diretos assessores continuarão custando mensalmente aos cofres públicos R$ 430 mil, mesmo sem os mesmos estarem em exercício? O quinteto do TCE-RJ se junta a centenas de políticos que se encontram com o “rabo preso” principalmente na Operação Lava-Jato. É quase certo que toda essa gente já tenha feito sua declaração anual de Imposto de Renda usando o formulário de Desconto Simplificado, lançando 90% dos seus ganhos no espaço destinado a Rendimentos Isentos e não Tributáveis” no item “Propina”. O sério perigo é que caiam na “Malha fina da Operação Lava-Jato e o ‘fiscal” Sérgio Moro lhes aplique uma elevada multa, sem direito a parcelamento. Vamos aguardar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário