Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

2 de março de 2009

Fim da cobrança do IPVA

BITRIBUTAÇÃO É IMORAL E ILEGAL

A Constituição Federal prevê no seu artigo 5º, inciso XV: “é livre a locomoção no território nacional em tempo de paz, podendo qualquer pessoa, nele entrar, permanecer ou dele sair com seus bens”;
A cobrança do IPVA não é aplicada onde deveria. Os cofres públicos estão abarrotados de dinheiro e o povo cada vez mais sendo lesado com vários tributos. As ruas das cidades e as rodovias estaduais e federais já causaram milhares de acidentes tirando a vida de trabalhadores e de famílias inteiras devido à sua péssima conservação;

O proprietário de carro, além de pagar pelo automóvel continua pagando uma “prestação” por fora com o IPVA. É só fazer as contas. Só no Rio de Janeiro, 63% da frota está com o imposto atrasado, por causa da ganância, com o Estado cobrando 4% de alíquota, enquanto que em outros Estados a alíquota é de apenas 1%;

Ou o governo extingue as praças de pedágio ou extingue o IPVA, o que é mais fácil, porque já demonstrou ser incompetente para administrar as rodovias, além de ser desonesto cobrar duas vezes pela mesma coisa;
Pagamos imposto na hora da compra do veículo, em torno de 42%;
Pagamos imposto do combustível e lubrificantes;

Pagamos imposto na hora de fazer a manutenção;

Pagamos Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA);

E ainda querem privatizar mais estradas?

Chega de cobrança!
Tudo é cobrado pelo governo e continuamos a mercê desses dirigentes que NADA fazem com o que é arrecadado.

Lembram-se da CPMF?

Vamos unir forças para acabar com essa ditadura disfarçada de democracia (DITADURA CIVIL), onde o cidadão brasileiro só tem o direito de pagar. É muito mais justo pagar pelo pedágio quando for usar a rodovia do que pagar este imposto onde não se vê melhoria nenhuma. O governo autoriza a existência das praças de pedágio porque ele mesmo sabe que não tem competência para administrar;

Precisamos fazer uma corrente com esta mensagem para chegar ao Congresso Nacional, solicitando a extinção da cobrança do IPVA;

Faça circular esta mensagem para o maior número de pessoas como um ato de protesto, vamos nos unir como fazem outros países que, com o poder do povo, conquistou sua soberania e seu direito de cidadão.


Obs.: Adaptei este texto a partir de um e-mail que recebi de meu amigo Antonio Almeida, de Nilópolis, RJ, por concordar com ele.

Um comentário:

  1. Oi Airton

    Se que é muito desgastante falar e falar sobre toda essa canalhice que acontece na política do Brasil.
    Vou te enviar mais uma matéria como colabolação e espero que na sua análise seja proveitoso para o seu blog.
    No que puder pode contar com este seu amigo.

    Abraço


    Antonio de Almeida
    ( MacGyver )

    ResponderExcluir

Não saia do Blog sem deixar seu comentário