Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

27 de setembro de 2010

Vice-Procuradora-Geral Eleitoral critica Lula

A menos de dez dias do primeiro turno, a vice-procuradora-geral eleitoral Sandra Cureau disse que nunca viu uma eleição como a de 2010 e critica a participação do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, informa reportagem publicada nesta segunda-feira pela Folha de São Paulo. Ela afirmou: "Eu acho que ele quer, a qualquer custo, fazer a sua sucessora. É por isso que, como dizem no manifesto, ele misturou o homem de partido com o presidente. Aquela coisa de não aceitar a possibilidade de não fazer a sucessora. A impressão que eu tenho é a de que ele faz mais campanha do que a própria candidata. Nunca vi isso, é quase como se fosse uma coisa de vida ou morte para ele"

Sandra Cureau foi quem deu início à série de multas aplicadas a Lula e Dilma por antecipação de campanha, chegando a ser debochada pelo presidente, quando foi chamada de "uma procuradora qualquer". Certamente sabe muito bem do que está falando. Ela disse mais na entrevista: "É por isso que, como dizem no manifesto de intelectuais pela democracia, ele misturou o homem de partido com o presidente. A impressão que tenho é a de que ele faz mais campanha do que a própria candidata. É quase como se fosse uma coisa de vida ou morte". Ela também falou do efeito do empate no Supremo Tribunal Federal (STF) sobre a validade da Lei da Ficha Limpa. "Vai interferir muito no processo eleitoral, porque colocou uma quantidade enorme de candidatos no limbo. O que vai acontecer? Ninguém sabe". Sobre se o fato favorece os fichas-sujas, ela não soube informar. "Não sei, porque pode ocorrer um fenômeno como o que já vinha ocorrendo aqui no Distrito Federal, onde um candidato ao governo (Joaquim Roriz, do PSC) teve seu registro impugnado desde o início e foi caindo nas pesquisas"

Ela afirmou ser legal a troca da candidatura de Roriz por sua mulher, Weslian (PSC). No entanto, considera o fato frustrante. "Mais do que frustrante. O candidato sai, mas a foto dele fica na urna. É interessante porque, no regimento do Supremo, existe um dispositivo dizendo que, quando há empate, prevalece a decisão que já existe. Teria de prevalecer, então, a decisão do TSE pela inelegibilidade de Roriz". Pelo visto, os candidatos devem ter muito cuidado nesta última semana de campanha porque Sandra Cureau está de olho neles e qualquer escorregão nesta reta final poderá sérias consequências.

Um comentário:

  1. Pessoal não deixem de participar da enquete para presidente da republica em:
    www.meuararipe.blogspot.com

    e

    www.inquiete.com.br

    ResponderExcluir

Não saia do Blog sem deixar seu comentário