Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

24 de agosto de 2009

Os registros nas Agendas no Palácio do Planalto

  • Matéria feita por Cesar Maia no seu site, que ele chama de Ex-Blog (http://www.cesarmaia.com.br), sobre o registro da possível ida da ex-secretária da Receita Federal Lina Maria Vieira ao gabinete da ministra Dilma Rousseff, tão negado pelo Palácio e enfaticamente confirmado pela secretária demitida pelo ministro Guido Mantega depois que ela criticou a Petrobras por uma manobra fiscal para pagar menos imposto, diz o seguinte:
  • GSI informa que não tem registro da entrada da ex-secretária da Receita Federal Lina Maria Vieira no Palácio do Planalto. Não é correta a informação. A cinemática de acesso para visitantes "especiais - fora da agenda da ministra" se processa com a solicitação da secretária da ministra ao encarregado do serviço de Controle da Portaria para liberar o ingresso. A secretária informa o nome da autoridade, o tipo da viatura e o horário de chegada. A  viatura da autoridade demanda o acesso exclusivo para a área de estacionamento no subsolo do Palácio do Planalto. A verificação é feita pelo segurança da guarita do tipo da viatura;
  • GSI informa que gravações de novembro e dezembro de 2008 - período em que Lina teria se encontrado com a ministra Dilma Rousseff - não podem ser encontradas porque o sistema de segurança descarta todos os registros após 30 dias. A informação é correta. O sistema de controle e vigilância é obsoleto; 
  • GSI informa que não há registros dos automóveis que entram e saem da garagem do Palácio do Planalto. Não é correta a informação. O encarregado do Serviço de Controle da Portaria é o responsável por controlar; registrar e  liberar o acesso ao subsolo. Todos os registros fora do controle de acesso digital são anotados no relatório de serviço diário da Segurança do Palácio do Planalto;
  • Deve ser solicitada a relação dos encarregados do Serviço de Controle da Portaria; 
  • É muito estranho a Secretária da Receita Federal acessar o gabinete da Ministra pelo subsolo. Este fato confirma que o assunto que tratado era de natureza confidencial. O normal era estacionar a viatura da Secretária da Receita Federal no local específico para este tipo de autoridade de segundo escalão. Portanto, o ingresso pelo subsolo confirma a natureza delicada do assunto tratado entre as duas.
  • Seria medida apenas administrativa? O substituto de Lina Vieira na Receita, Otacílio Cartaxo, exonerou nesta segunda dois auxiliares da antecessora. Foram eles Alberto Amadei e Iraneth Maria Dias Weiler, secretária de Lina. Como se recorda. Iraneth confirmou a versão da ex-chefe de que Erenice Guerra, chefe de gabinete de Dilma, estivera, sim, na Receita para avisar a Lina que Dilma queria conversar com ela;
  • Diante de outros fatos já ocorridos e veementemente negados ou ignorados por membros do Governo Federal, a começar pelo presidente Lula, fica uma dúvida: dá para acreditar no que os palacianos falam?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário