Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

16 de outubro de 2010

Diferença real entre Dilma e Serra é de 3,5%

Os cerca dos 135 milhões de eleitores do Brasil estão distribuídos, por Região, da seguinte forma:

Centro-Oeste - 9.695.987
Nordeste - 36.727.931
Norte - 9.990.917
Sudeste - 58.936.436
Sul - 20.252.770

De acordo com a divulgação da pesquisa de intenção de voto feita pelo DataFolha e divulgada ontem, a votação de Dilma Rousseff e José Serra, por regiões, o resultado seria o seguinte:

Sudeste:
Dilma (43%) - 25.342.667
Serra (44%) - 25.932.031

Sul:
Dilma (40%) - 8.101.108
Serra (48%) -9.721.330

Nordeste:
Dilma (60%) - 22.036.758
Serra (30%) - 11.018.379

Norte e Centro-Oeste:
Dilma (44%) - 8.662.238

Serra (46%) - 9.055.976

Se o quadro apresentado pelo Ibope vier a acontecer em 31 de outubro, somando-se as votações da regiões brasileiras e considerando os números absolutos da pesquisa DataFolha, a eleição teria o seguinte resultado final:

Dilma  - 64.142.771 (53,5%)
Serra  - 55.727.716 (46,5%)

A diferença seria de 7% e Serra, para vencer, teria que tirar de Dilma apenas 3,5% mais um eleitor. Essa deve estar sendo a preocupação do comando da campanha da candidata petista, levando-a a ficar tão agressiva contra o tucano, o mesmo correndo com os líderes do PT e seu principal cabo eleitoral, o presidente Lula, o mesmo acontecendo na propaganda gratuita de Dilma, muitas vezes desmentindo a si mesma, apesar de existirem na Internet inúmeras gravações com palavras ditas por Dilma, que agora tenta desmentir. Muita água vai passar por baixo da ponte até 31 deste mês e muita coisa ainda poderá acontecer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário