Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

18 de janeiro de 2017

De nada adiantará aprovar reformas se não tiver fim o foro privilegiado

Em recente entrevista, o ministro Moreira Franco fez referência às reformas que o governo de Michel Temer está propondo ao Congresso Nacional: previdenciária, trabalhista, tributária, fiscal e política. Umas, dizem respeito a aposentados e aos trabalhadores, enquanto outras envolvem as empresas que produzem riquezas e geram empregos. Jã outras reformas até que poderiam dar fim à politicagem, mas aí o caso muda de figura, porque seriam os próprios parlamentares que iriam votar leis que puniriam muitos deles, Acontece que o ministro titular da Secretaria-Executiva da Presidência da República nada disse sobre as mais que necessárias reformas administrativa e do Judiciária, que serviria para punir com rigor políticos poderosos e ainda acabar com os super salários, as mordomias, bem como os privilégios de pessoas que ganham muito e quase nada produzem;

Nada disse Moreira Franco sobre o fim do foro privilegiado. Não fora isso, todos os políticos envolvidos na Operação Lava-Jato  já estariam fazendo companhia na cadeia a Sérgio Cabral e Eduardo Cunha. Como quase tudo isso é praticamente impossível que venha a acontecer, a nós caberá acabar com o foro privilegiado dos que cometeram "malfeitos" de agora tirando-os dos cargos que hoje ocupam nas eleições de 2018, e a partir de 2019 eles passarão a "conversar" em Curitiba com o juiz Sérgio Moro e recebam a punição que lhes caberá com acontece com qualquer cidadão que tenha roubado uma galinha ou desviado milhões de reais dos cofres públicos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário