Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

18 de abril de 2013

O povo não aguenta mais ver tanto roubo de dinheiro público

  • Muitas vezes pessoas que sequer conhecemos falam ou escrevem coisas sobre as quais nós também falaríamos ou escreveríamos. Volta e meia encontramos cartas de leitores publicadas em jornais com as quais concordamos inteiramente, como é o caso da que hoje está publicada na seção ‘Dos Leitores’, do jornal carioca ‘O Globo’, expondo a opinião da leitora Maria Lúcia de Souza Gutierrez, do Rio: “O governo vive a assinar papéis em prol de benesses populistas. Convoca a mídia, sorri nas fotos e, enfim, mais um olhar para os desafortunados. Isso feito, lavam-se as mãos. Mas, e o ato contínuo? Quem é que coordena os próximos passos? Ninguém sabe. O que se sabe é que tais benesses seguem sempre o mesmo caminho: são alvo de fraudes, irregularidades, desvios de dinheiro público, disse me disse, acusações, negações e, enfim, nada”. Complementando, a leitora enfatiza: “Aconteceu com o Bolsa Família, o PAC, o Enem, e, agora, com o Minha Casa Minha Vida, só para resumir. E, ainda, temos réus petistas, já condenados, mas que, frutos da lentidão de uma justiça “à brasileira”, seguem acobertados pelos recursos do partido e, para surpresa geral, exercendo, sem cerimônia, suas antigas funções. A sociedade reclama o desdobramento disso. Quem vai ser preso, devolver o dinheiro ou ficar desempregado? Pode ser? Estaremos sempre aguardando o dia seguinte? Estamos impacientes. Queremos o final do filme”;
  • O mesmo tema também é abordado por ou leitor da mesma edição do jornal. José Luiz Villas-Bom, do Rio, que aborda as recentes notícias sobre fraudes no programa Minha Casa Minha Vida denunciadas pela mídia nos últimos dias. Ele diz: “O programa Minha Casa Minha Vida nunca foi bem das pernas. Ora não chegando sequer a 10% do projetado/entregue, ora colocando moradias sem infraestrutura e que se desmoronam a cada enxurrada. Enfim, rios de dinheiro sempre escoaram pelas mãos dos aloprados. A somar, o escândalo envolvendo ex-funcionário do Ministério das cidades, uma tal consultoria RCA e senhas da Secretaria Nacional de Habitação. Engrenagem afiada, tal qual no mensalão. Inquéritos e sindicâncias para quê? Sabem todos como funciona. Por que não punir exemplarmente desde o peixe grande? E ainda anunciam novas moradas com cerâmica?”;
  • Os dois leitores citados foram bem claros nas suas reclamações. Na verdade já passa do tempo de as autoridades tomarem enérgicas providências para acabar com esse monstruoso escoadouro de dinheiro público, algo que proporciona duplo prejuízo, pois se de um lado há o roubo do dinheiro proveniente de impostos pagos pelos cidadãos que devem receber de volta benefícios principalmente nas áreas de Educação, Saúde e Segurança, por outro lado, há também o prejuízo daqueles a quem se destinam os projetos não concluídos – ou mesmo os pessimamente acabados –, como é o caso do Minha Casa Minha Vida, cujo maior exemplo está nos imóveis construídos em Niterói (RJ) para as vítimas das chuvas no Morro do Bumba, que tiveram que ser demolidos por causa da impossibilidade se serem habitados, com o agravante de que outros imóveis do mesmo conjunto estariam nas mesmas condições;
  • Esses fatos precisam acabar o quanto antes. Se fazem parte de uma política de governo para beneficiar ‘companheiros’, cabe então aos eleitores dar um fim nisso mandando para casa, nas eleições do ano que vem, os atuais praticantes desse tipo de ‘malfeito’, a começar por quem os nomeia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário