Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

17 de março de 2010

Lula, você é o cara!


Você é o cara que esteve por dois mandatos à frente desta nação e não teve coragem nem competência para implantar reforma alguma neste país, pois as reformas tributárias e trabalhistas nunca saíram do papel, e a educação, a saúde e a segurança estão piores do que nunca.

Você é o cara que mais teve amigos e aliados envolvidos, da cueca ao pescoço, em corrupção e roubalheira, gastando com cartões corporativos e dentro de todos os tipos de esquemas.

Você é o cara que conseguiu inchar o Estado brasileiro com tantos e tantos funcionários e, ainda assim, fazê-lo funcionar pior do que antes.

Você é o cara que mais viajou como presidente deste país, tão futilmente e à nossa custa.

Você é o cara que aceitou todas as ações e humilhações contra o Brasil e os brasileiros diante da Argentina, Bolívia, Equador, Paraguai e outros.

Você é o cara que, por tudo isso e mais um monte de coisas, transformou este país em um lugar libertino e sem futuro para quem não está no grande esquema.

Você é o cara que transformou o Brasil em abrigo de marginais internacionais, negando-se, por exemplo, a extraditar um criminoso para um país democrático que o julgou e condenou democraticamente.

Você é o cara que transformou corruptos e bandidos do passado em aliados de primeira linha.

Você é o cara que está fazendo do Brasil um país de parasitas e vagabundos, com o Bolsa-Família, com as indenizações imorais da Bolsa-Terrorismo, com o repasse sem limite de recursos ao MST, o maior latifúndio improdutivo do mundo, abrigo de bandidos e vândalos, que manipulam alguns verdadeiros colonos.

É, Lula! Você é o cara...

É o cara-de-pau mais descarado que o Brasil já conheceu.

Você é o cara que deveria apanhar na cara, de todo brasileiro honesto e trabalhador.

Caio Lucas

Não sei quem é Caio Lucas, nem por quais vias este seu escrito admirável veio parar no meu e-mail. O que não posso é deixar de repassar sua mensagem, na qual os devotos do nosso presidente encontrarão a avaliação objetiva de seus arrebatamentos retóricos de bravatas compulsivas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário