Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

15 de março de 2013

Outro factoide de Dilma vira fumaça negra. Agora é a vez da cesta básica mais barata

  • Alguém precisa avisar à presidente Dilma que seus pronunciamentos através de rede nacional de TV e rádio não estão sendo muito felizes. Em setembro ano ano passado, não por acaso às vésperas das eleições municipais, ela anunciou ao País que estava promovendo uma redução de 18% nas despesas dos consumidores com energia elétrica. Uma mentira. Foi a Justiça que determinou a devolução de bilhões de reais cobrados a mais nas contas das operadoras. A melhor forma de 'devolver' o que foi cobrado a mais seria, então, concedendo um desconto a título de compensação. A presidente Dilma resolveu, então, 'fazer gentileza com o chapéu alheio', como se dizia antigamente. Logo em seguida, no Rio de Janeiro, a Light aumento o valor das contas em 12%. Outra vez o 'poste' de Lula apareceu nas telas das TVs anunciando uma antecipação da data do início do desconto;
  • Poucos dias depois, sem nenhum pronunciamento de Dilma Rousseff em rede nacional, a Petrobras anunciou que a partir da zero hora do dia seguinte haveria um aumento no preço dos combustíveis. Não é necessário ser economista para saber que aumentando o preço dos combustíveis imediatamente há uma série de aumentos de preços de tudo que dependa de transporte alegando-se a necessidade de pagamento de novos valores dos fretes, mesmo que não haja necessidade disso. Como se comprova, tudo faz parte da campanha eleitoral antecipada com a presidente Dilma fazendo demagogia a toda hora, 'jogando para a arquibancada;
  • No último dia 8, Dia Internacional da Mulher, mais uma vez a presidente Dilma foi à TV em cadeia nacional, algo que parecia ter tudo a ver, afinal nosso país é governado por uma mulher. Mas a oportunidade não poderia ser desperdiçada. Ela anuncia a retirada de impostos das mercadorias que integram a cesta básica. Não era um assunto específico para as mulheres, pois muitos homens é que são os responsáveis por levar alimentos para casa e muitas mulheres não interferem em nada na composição da despensa de suas casas. Mas nos últimos dez anos vemos nossos dirigentes sempre num palanque. Ano que vem tem sucessão presidencial e o PT quer continuar no Palácio do Planalto;
  • A imprensa divulga hoje uma informação nada interessante para dona Dilma: o custo da cesta básica do dia 8 para cá aumentou em média 0,55%. O preço médio, que no último dia 7 era R$ 384,58  passou até ontem para R$ 386,71. Dilma havia anunciado que  em seu pronunciamento na TV que o governo iria zerar a incidência de PIS/Pasep-Cofins e de IPI de 16 itens: carnes (bovina, suína, aves e peixes), arroz, feijão, ovo, leite integral, café, açúcar, farinhas, pão, óleo, manteiga, frutas, legumes, sabonete, papel higiênico e pasta de dentes. Como explicar isso? Será que mais uma vez o povo está sendo enganado? Tudo indica que sim. Daqui até o ano que vem, sob o comando de Lula, outras bravatas e factoides acontecerão. Resta saber se o povo vai continuar em sua maioria fazendo papel de bobo e acreditando nessa gente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário