Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

3 de outubro de 2012

Julgamento do 'Mensalão do PT' chega ao seu momento histórico

Delúbio ainda sorri? Zé Dirceu e Genoíno, não
  • Tem início hoje algo que muitos há pouco tempo não acreditavam que aconteceria, que é o julgamento de José Dirceu, José Genoíno e Delúbio Soares, membros da cúpula do PT quando da denúncia do 'Mensalão do PT'. O prestígio deles junto ao partido e a influência principalmente do primeiro até junto ao Governo da presidente Dilma Rousseff e ainda pela constante defesa do ex-presidente Lula, negando a existência das acusações, tentando passar à opinião pública a ideia de que se tratava de caixa 2 de campanha, levava a crer que num Supremo Tribunal Federal (STF) composto por oito ministros 'petistas' - seis foram indicados e nomeados por Lula e dois, por Dilma -, dificilmente o 'Mensalão do PT' sequer iria a julgamento. Ao contrário, não só está sendo julgado como o STF já reconheceu que não tem nada de caixa 2, mas sim desvio de dinheiro público para garantir maioria parlamentar no Congresso Nacional, beneficiando a 'governabilidade' do então presidente Lula;
  • Na verdade, o Supremo está demonstrado uma surpreendente independência, algo que já foi noticiado como um fato decepcionante principalmente para Lula, ainda mais que o julgamento está sendo realizado às vésperas das eleições municipais, com riscos de manchar a imagem dos petistas e do PT e influir no resultado do pleito de domingo que vem, algo que é levado muito a sério pelos governistas, pois candidatos a prefeito da 'base aliada' estão ficando em situação crítica nas pesquisas de intenção de voto, com o eleitor se afastando dos 'fichas-sujas'. É certo que os resultados do julgamento do STF pode servir de lição para os novos corruptos que ainda serão eleitos no próximo dia 7. Depois de empossados, vão pensar muito antes de avançarem no dinheiro público, pois a impunidade está caindo por terra a partir do histórico julgamento do 'Mensalão do PT';
  • Também quem fica mal nessa história toda é o ex-presidente Lula. Todo o esquema em julgamento foi montado para beneficiá-lo com a compra de votos para lhe garantir maioria folgada no Congresso. Seria ele tão inocente ao ponto de não observar que nas salas vizinhas ao seu gabinete era montado um esquema de desvio de milhões de reais em seu favor? Vai sempre ficar em dúvida se ele sabia de tudo e que teria até mesmo autorizado a fraude que o Supremo agora reconhece com tendo efetivamente existido. Seria essa a 'hearança bendita' deixada por Lula a que Dilma se referiu em recente comício em São Paulo? Ele que se cuide para que não sobre nada contra ela. Dessa 'herança' deixada por Lula ela já teve que exonerar oito ministros. Todo cuidado é pouco, Dilma!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário