Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

4 de maio de 2015

A violência da polícia no Paraná tem ação de Black Blocks

  • Não há como negar. Houve violência da polícia contra os professores no Paraná. Também é verdade que o projeto sobre o qual protestavam era absurdo pois se aprovado, como foi, feria os interesses da classe. No entanto, a manifestação teve uma forte conotação política. É só observarmos a repercussão nas redes sociais para que se veja a ênfase dada ao fato do governador Beto Richa ser do PSDB;
  • Mas o pior ficou por conta da participação de 'professores' com máscara de gases portando pedras, porretes e coquetéis Molotov atacando os policiais. Aconteceu o que dizia o velho ditado: "Violência gera violência". Atacada, a Polícia reagiu. Acho que você reagiria da mesma forma Há indícios de que o sindicato da categoria não estava muito interessado em defender os interesses dos professores, mas sim desestabilizar Beto Richa
  • Não por acaso o fato violento acontece num momento político mais favorável ao PSDB do que ao PT. Todos sabem que os sindicatos são dominados por partidos esquerdistas. Não há dúvidas de que as ações dos 'professores' é típica dos Black Blocks, famosos pela forma como inibiram as manifestações de junho de 2013. O povo ficou com medo e aos poucos deixou de sair às ruas;
  • Então, vemos a toda hora críticas à violência da polícia de um governo tucano. E o mais irônico é que as afirmações vêm de aliados ao governo venezuelano, que usa a violência para reprimir quem se manifestar contra Nicolás Maduro. Na Venezuela, a repressão a quem critica o presidente resultou até agora em 44 mortes, 3.718 prisões arbitrárias e 44 presos políticos. Por isso, tudo o que vem ocorrendo no Paraná deve ser visto com olhos neutros

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário