Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

Comentários sobre política brasileira e outros temas polêmicos

8 de julho de 2015

Petistas chamam oposição de 'golpista' e não vêem o PMDB

  • Ao se pronunciar sobre as declarações de políticos e de pessoas do povo falando em intervenção militar, tirando Dilma Rousseff da Presidência da República, o general Eduardo Villas Boas, comandante do Exército Brasileiro, declarou: "Intervenção militar não tem nenhum fundamento. O Exército Brasileiro é uma força de sustentação do Estado Democrático de Direito e deve obediência à presidente da República, que é nossa comandante-em-chefe";
  • Foi a conta do chá para que os petistas soltassem foguetes dizendo que os 'golpistas' deveriam se calar definitivamente. Eles precisam entender uma coisa. Enquanto for presidente, Dilma é a comandante das Forças Armadas. E se for posta legalmente para fora do cargo, onde está o golpe? Se isso acontecer, mais uma vez os petistas vão querer se fazer de vítimas das suas próprias falcatruas;
  • Podem os petistas ficar tranquilos. Não confundam intervenção militar com golpe militar. Ao invés de ficar chamando os adversários de golpistas, fiquem de olho é no PMDB e se preocupem com o relatório do Tribunal de Contas da União (TCU), porque se o Congresso Nacional acatar, são os parlamentares que declaram o cargo vago e quem assume é o vice, no caso Michel Temer, do PMDB, partido que comanda a Câmara e o Senado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não saia do Blog sem deixar seu comentário